Vós

menu
Histórias

Loja do Bem: o reencontro do cearense com uma velha paixão, o artesanato

Por Vós, Igor de Melo

Acredita em Vós

30.out
2017

Tudo começou em 2015, quando o Iguatemi, em uma campanha de natal, abriu pela primeira vez as portas da Loja do Bem com o objetivo de ajudar crianças com câncer através da renda obtida com a venda de seus produtos. De lá para cá, a iniciativa já entrou para o calendário do shopping e da cidade. Em seu terceiro ano, o projeto não apoia diretamente uma instituição, mas sim uma causa: a do artesanato cearense.

Renata Jereissati explica que estava em casa assistindo ao noticiário nacional e uma das matérias destacava a crise pela qual passava o artesanato cearense. “Isso foi em maio, e me deu uma pontada no coração saber que, depois de ter me envolvido e lutado tanto pela melhoria do trabalho e pela qualidade de vida dos artesãos, estava ocorrendo isso com o artesanato do Ceará.”

A partir daí começou todo um esforço para viabilizar uma nova edição da Loja do Bem. Desta vez, com o intuito de dar suporte ao artesão e ao artesanato cearense, uma iniciativa que, para Renata Jereissati, faz todo o sentido. “Eles também precisam de apoio. Muitas vezes, vivem em distritos e pequenas comunidades afastadas. Apesar dos produtos serem lindos, por esses fatores fica difícil comercializar. Aqui no Iguatemi o trabalho tem mais chance de chegar ao consumidor final.”

Rachel Mendonça, diretora de marketing do Shopping Iguatemi Fortaleza, acredita que a iniciativa é boa para todos e destaca a relação de longa data do shopping com o artesanato local. “A gente procura sempre estar inserido e junto para que o artesanato não morra aqui no Ceará e para que as pessoas possam viver disso.”

E parece que esse apoio vem dando frutos. Solange Carracedo, artesã e presidente da Associação Arte no Fazer, explica que o apoio é muito importante para viabilizar o sustento das famílias que vivem do artesanato. “De uns tempos para cá os empresários estão olhando com mais atenção para a importância da preservação do artesanato cearense. Isso impacta a renda de diversas pessoas que vivem em torno dessa produção.”

Além do impacto em um curto prazo, a iniciativa visa aproximar o cearense do artesanato. Renata Jereissati destaca que além das dificuldades de se comercializar os produtos, existe também uma falta de interesse da população. “Eu sempre digo que temos que dar valor ao que é nosso. E o cearense precisa voltar a ter contato com esse trabalho belíssimo.” A Loja do Bem fica aberta até dezembro e até lá haverá um rodízio de associações e artesãos que terão seu material exposto.

 

Loja do Bem
De outubro a dezembro de 2017
Shopping Iguatemi Fortaleza – Próximo à Praça de Convivência da Expansão

Colaboradores

Vós

Vós

Ver Perfil

Vós é uma nova forma de ver o Ceará. Com olhos atentos, curiosos e prontos para se apaixonar. Vós é para quem quer falar. É uma plataforma de histórias sobre a rotina do estado, dos cearenses e de quem aqui escolheu viver.

Igor de Melo

Igor de Melo

Ver Perfil

É fotógrafo profissional desde 2008. Já passou pela fotografia de esportes, cobertura social, fotojornalismo, publicidade, documental e autoral. Continua em todas. É apaixonado por esportes de ação, tatuagens, retratos e pessoas. Crê que vai conseguir contar as histórias que quer, surfar na Indonésia e viajar com a esposa.

Comentários

Quer conhecer mais histórias como esta?


Cadastre seu email abaixo para receber matérias, novidades, eventos, e outras informações na sua caixa de email.

fechar