Vós

menu
Histórias

[Patrimônios Históricos] - Conheça mais sobre o prédio da Associação Comercial do Ceará

Por Leila Nobre, Igor de Melo, Michele Boroh

Acredita em Vós

17.nov
2015

No final do século XIX, mais precisamente em 1890, era construído o Edifício Antônio Gomes Guimarães, hoje sede da Associação Comercial do Ceará. O prédio foi inaugurado no começo do século XX, como Hotel de France, abrigando posteriormente o Palace Hotel. Ainda hoje, o edifício guarda um original conjunto de detalhes que chamam a atenção pela qualidade e beleza. O piso do saguão é feito com mosaicos hidráulicos policromados de tamanhos diferentes, o conjunto de vitrais com caixilhos de madeira e a linda escadaria é em mogno. Também chamam atenção, as grades das varandas.

O prédio fica na Rua Major Facundo, Nº 2, esquina com a Rua Dr. João Moreira, em frente ao Passeio Público. Faz parte do conjunto do corredor cultural, que se estende desde a Fortaleza de Nossa Senhora da Assunção (10º RM), até a Estação João Felipe, onde se encontram concentrados um grupo de prédios de relevância para a história de Fortaleza. O edifício possui três andares de alvenaria autoportante com tijolos, e pisos mistos de vigas de madeira e trilhos, paredes duplas, que sofreram algumas modificações tanto externas como internas, para reformas e ampliações, ao longo de sua história. As fachadas conservam ainda toda a ornamentação e detalhes. As elegantes portas de arco pleno se destacam em ambas as fachadas, e nos dois primeiros andares, coroadas por vitrais de desenho e colorido harmônico, o prédio está coroado por platibanda com detalhes neoclássicos e copas coroando as esquinas, o último andar com janelas sem arcos lhe dá grande elegância.

No local onde fica o prédio da Associação, já foi um sobrado, construído na segunda metade do século XIX pertencente a Odorico Sergismundo de Arnout. Depois foi adquirido por Dario Teles de Meneses, demolido e deu lugar a outra construção. Comprado dos herdeiros de Dario Teles pela Imobiliária José Gentil, foi reformado para servir de Hotel. Primeiro o Hotel de France, cujos proprietários eram os franceses Louis Dragaud e Louis Gonthier e o alsaciano Isidor Braun.  Depois, em 17 de julho de 1927, foi alugado ao comerciante Efrem Gondim (proprietário do Rotisserie Sportman) que lá instalou o Palace Hotel, recebendo mais um andar e anexando uma casa vizinha pela Rua Dr. João Moreira na década de 40.

Em 07 de maio de 1934, instalou-se, solenemente, no prédio do Palace Hotel, o Rotary Clube de Fortaleza, filiado ao Rotary Club Internacional em ágape presidido por Lauro Barbosa, que empossou a primeira diretoria, tendo à frente Pedro Filomeno Ferreira Gomes. Na ocasião foi lançado o primeiro número do Boletim do Rotary Clube. No dia 10 de Agosto de 1971, o tradicional estabelecimento Palace Hotel, que viveu áureos tempos, fecha definitivamente suas portas, depois de atravessar inúmeras dificuldades, vendendo inclusive utensílios de serviço para indenizar seus funcionários. O prédio foi então vendido para a Associação Comercial do Ceará a 03 de outubro de 1973 através de Antônio Gentil Júnior. Modificações do prédio: Em 1925, passou por uma reforma, agregando-lhe uma casa pela Rua Major Facundo. A reforma acrescentou mais um pavimento ao prédio, ficando pronta no dia 14  de julho de 1927.

Na década de 1940, o prédio sofre sua última grande reforma, ocupando mais uma casa pela Rua Dr. João Moreira e transformam sua decoração exterior com vestígios de neoclassicismo.

Colaboradores

Leila Nobre

Leila Nobre

Ver Perfil

Leila Nobre é pesquisadora Memorialista. Idealizou e mantêm o site Fortaleza Nobre, onde procura resgatar a Fortaleza antiga, em suas ruas, praças, praias, monumentos. É casada e mãe de três meninas. Ama ler e escrever.

Igor de Melo

Igor de Melo

Ver Perfil

É fotógrafo profissional desde 2008. Já passou pela fotografia de esportes, cobertura social, fotojornalismo, publicidade, documental e autoral. Continua em todas. É apaixonado por esportes de ação, tatuagens, retratos e pessoas. Crê que vai conseguir contar as histórias que quer, surfar na Indonésia e viajar com a esposa.

Michele Boroh

Michele Boroh

Ver Perfil

Nasceu no Dia do Jornalista. Aos 9 criou o Jornal dos Amigos do Prédio, em folha de caderno e à base de canetinha. Agora, aos 30 e após 8 em TV, é coordenadora de conteúdo e colunista de VÓS, com a mesma paixão da infância. É também cronista no Tribuna do Ceará, viciada em livro, cavaquinista de churrasco e futura mãe de 4.

Comentários

Quer conhecer mais histórias como esta?


Cadastre seu email abaixo para receber matérias, novidades, eventos, e outras informações na sua caixa de email.

fechar