Vós

menu
Colunas

[Prisma] - Idas, vindas, esperas e 22 fotos da Rodoviária de Fortaleza

Por Igor de Melo, Luiza Carolina Figueiredo
02.set
2017

O nome é Terminal Rodoviário Engenheiro João Thomé, uma homenagem ao chefe do tráfego da Estrada de Ferro de Sobral. Foi construído no antigo bairro da Gameleira – hoje, simplesmente Fátima -, à época, uma área de expansão da cidade.

Há mais de 40 anos a Rodoviária de Fortaleza recebe pessoas que vêm visitar a capital cearense ou as envia para os mais longínquos pontos do estado e do país. Um ponto de chegada, de partida e de espera para cerca de 10 mil passageiros por dia.

Igor de Melo foi até o Terminal Rodoviário de Fortaleza e acompanhou, em 22 fotos e sob um outro Prisma, os movimentos e as pausas de quem estava por lá. Confira!

Colaboradores

Igor de Melo

Igor de Melo

Ver Perfil

É fotógrafo profissional desde 2008. Já passou pela fotografia de esportes, cobertura social, fotojornalismo, publicidade, documental e autoral. Continua em todas. É apaixonado por esportes de ação, tatuagens, retratos e pessoas. Crê que vai conseguir contar as histórias que quer, surfar na Indonésia e viajar com a esposa.

Luiza Carolina Figueiredo

Luiza Carolina Figueiredo

Ver Perfil

Apesar de jornalista, sonha com ficção e, por isso, fica animada em ouvir os causos dos outros - quem sabe não tira inspiração para um futuro romance? Acredita que, se escrever de tudo um pouco, um dia vai conseguir a história que realmente quer. Leitora compulsiva, está sempre com um livro ou HQ nas mãos (ou na bolsa). É meio tímida, mas tem um bichinho tagarela dentro dela que, quando começa a falar, quase não para. E se a conversa for geek, então...

Comentários

Quer conhecer mais histórias como esta?


Cadastre seu email abaixo para receber matérias, novidades, eventos, e outras informações na sua caixa de email.

fechar